Dia Nacional de Luta da Caixa exige o não esquartejamento do banco 100% público | Portal
13/03/19 15:59

Dia Nacional de Luta da Caixa exige o não esquartejamento do banco 100% público

 

IMG_3644.jpg

 

A Caixa Econômica Federal vem passando por uma sequência de medidas, oriundas do governo Bolsonaro e da direção do banco, que visam esquartejar seu caráter 100% público. Como forma de protesto em relação às medidas privatistas e aos diversos ataques, haverá em todo o Brasil, o Dia Nacional de Luta da Caixa no qual os empregados do banco usarão roupas pretas. No Rio de Janeiro, amanhã, 15 de março, a partir das 12h, o ato será no prédio da Caixa (Av. Almirante Barroso, 174). A data também será utilizada para reivindicar mais reconhecimento ao trabalho, mais empregados e o fim do assédio moral no banco.

Recentemente, o presidente da CEF, Pedro Duarte Guimarães, anunciou a pretensão em fatiar algumas das ações mais lucrativas dos ativos do banco como as de seguros, cartões, assets e loterias, e de torná-las à disposição do mercado privado. Para que essas mudanças fossem esclarecidas, o movimento sindical chegou a marcar uma reunião com a direção do banco, porém, foi recusada.

“Esse dia tem extrema importância para a categoria. Está na hora de reivindicarmos nossos direitos e defender a Caixa 100% pública que é patrimônio do povo brasileiro. Necessitamos da união de todos para fortalecer a causa e demonstrar à direção da CEF que é um absurdo entregar o banco para o mercado privado”, enfatiza Paulo Matileti, Presidente da APCEF/RJ.

Compartilhe